A EDUCAÇÃO DA MULHER NA VISÃO DO MÉDICO E EDUCADOR AFRÂNIO PEIXOTO

Elizabeth Sousa Abrantes

Resumo


Este trabalho visa a apresentar o pensamento pedagógico de Afrânio Peixoto no tocante à educação feminina na primeira metade do século XX, tendo por base sua obra intitulada “Eunice ou A Educação da Mulher” (1944). A visão de Afrânio Peixoto sobre a mulher era orientada por sua formação em medicina e sua preocupação com a eugenia, a higiene e a educação na constituição de uma população sadia e desenvolvida, o que em sua opinião passava necessariamente pelo papel da mulher como mãe e educadora das futuras gerações, devendo deixar de ser um ente passivo para tornar-se mais atuante na sociedade, o que não necessariamente significava a defesa da mulher independente. Defensor da “virgindade moral”, suas ideias apresentadas em defesa da emancipação feminina pela educação representavam uma mudança  conservadora, uma vez que seu discurso científico tinha como objetivo resguardar os valores burgueses de honra através do controle da sexualidade feminina e evitar os novos  comportamentos trazidos pelos “tempos modernos”, considerados ameaçadores da honestidade feminina.

Palavras-chave


Afrânio Peixoto;Educação;Mulher;Século XX;

Texto completo:

PDF


DOI: http://dx.doi.org/10.18817/ot.v7i10.94

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Catálogos, Portais, Bases Bibliográficas, Índices e Sistemas de Indexação

 

 WZB - Home


    


 

¿Dónde lo publico?

 
 



Financiamento 


VISITANTES DA REVISTA OUTROS TEMPOS NO MUNDO